Gatinhos Persa

A História desta raça tem inicio no século XVI, quando um viajante italiano chamado Pietro Della Valle passou pelaPérsia (atual Irão) e trouxe consigo alguns dos belos gatos que andavam pelas ruas locais.
Ao chegar a Itália, imediatamente esses gatos ganharam a simpatia das pessoas devido a sua pelagem macia e brilhante.


A primeira descrição precisa da raça aparece no livro de historia natural de Georges Louis Bufon (1707-1788), e a primeira exposição de felinos foi organizada em 1871 por Harrison Weir, no palacio de cristal em Londres, onde participaram a Rainha Vitoria e o Principe de Gales como proprietarios e expositores de gatinhos persas.


Em 1910 foi criado em Inglaterra o "Governing Concil of the Cat Fancy of Great Britain", quando foram estabelecidos os primeiros padroes da raça, sempre ocupando uma posição destaque dentro da Aristocracia Felina.


Logo em seguida foi feito um trabalho de melhoramento genético visando obter-se uma maior variedade de cores e padrões de pelagem.


Há hoje mais de 100 diferentes combinações de cores para gatos desta raça, variando desde o branco neve, como o Piluças, até ao malhado (casco de tartaruga), girissimo por sinal.


Os persas são gatos muito procurados por pessoas que vivem em espaços pequenos, como apartamentos, porque miam pouco, e apresentam um forte apego ao seu dono. É extremamente sereno e afectuoso, interagindo mt bem com outras raças e até com cães. É também muito tolerante com as crianças.

Ele pode permanecer por horas deitado no seu lugar favorito, o piluças adora estar deitado na mala do computador portatil, parece que não esta a prestar atenção ao que o rodeia, mas nunca perde a aura de aristocrata que tantas pessoas admiram.

Os persas adoram caricias e todas as expressões de carinho e raramente mostram as garras, mas engane-se quem acha que eles adoram estar no colo.


Estes gatinhos caracterizam-se pela pelagem comprida e sedosa, com umacabeça grande e redonda, orelhaspequenas e arredondadas com tufos de pelo no interior, olhos grandes e redondos de coloração vívida e patas curtas, porémmusculosas. O padrão comum da raça apresenta focinhos achatados (flat face), porém alguns gatinhos possuem focinhos um pouco mais alongados (doll face).


A manutenção de sua pelagem é um desafio, sobretudo devido a formação de nós ocorridos devido ao comprimento dos pelos. Mas ao ver o resultado dos cuidados prestados, sentimos uma enorme gratificação, alem de que o gatinho reconhece esse cuidado. É de salientar que estes gatinhos são muito vaidosos...
O padrão de uma raça é determinado pelas associações que a representam.


Assim sendo, existem pequenas variações de associação para associação. Abaixo podemos ver o padrão da FIFe (Federação Felina Internacional).

Tamanho: Médio a Grande - Os machos são maiores que as fêmeas, pesando de 4 a 5 kg, (o Piluças tem 6 KG) e as fêmeas de 3 a 4 kg.

Orelhas: Pequenas, arredondadas nas pontas e bem separadas.

Nariz: Achatado, Curto, Largo, com stop bem definido, situado entre os olhos e entre as pálpebras superiores e inferiores, nariz não arrebitado. As narinas devem ser bem abertas.

Corpo: De estrutura compacta, patas curtas, peito largo, ombros e dorso maciços, bem musculosos, de comprimento curto e formato quadrado.

Rabo: De comprimento curto, dobrado sobre o dorso fica entre a nuca (muito longo) e o meio das costas (ideal).

Pescoço: Curto e forte.

Cabeça: De formato redondo, maciça, bem equilibrada, crânio largo. Testa arredondada, bochechas cheias.

Pelagem: Comprida, densa , de textura fina, brilhnate e sedosa (sem ser lanosa). Longa, espessa e abundante, espalha-se por todo o corpo incluindo ombros, formando uma juba imensa e comprida que desce por entre as pernas dianteiras.

Olhos: Grandes, redondos e simétricos, bem separados, dando a face uma expressão mais aberta. De cor sólida, brilhante. Lindos

Patas: Grandes, redondas, sendo desejável tufos de pelos entre os dedos. Cinco dedos nas patas da frente e quatro nas de traz.

Normalmente, nessa raça a cor branca associada a presença de olhos azuis está geneticamente relacionada a problemas de audição no animal. Os gatos brancos com apenas um dos olhos azuis pode ser surdo de apenas um ouvido, enquanto que os espécimes com ambos os olhos azuis acabam não possuindo nenhuma audição.

O Piluças tem olhos cor Ambar, como a mãe (eu).

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Cuidados de Higiene ao Gato Persa

Escovar o Pêlo

O pêlo para se manter bonito e saudável, livre de pêlos mortos, deve ser escovado regularmente.
No caso dos gatos de pêlo longo a escovagem torna-se semanal e mesmo diária, por exemplo, no caso dos gatos persa que têm um pêlo que ganha nós com muita facilidade. Para remover os nós podemos recorrer ao pó talco (inodoro de preferência) que ajuda o pêlo a tornar-se mais solto.

Se o gato for habituado desde pequeno a ser escovado, a tarefa será sempre muito facil, porque quando ele crescer pode ser muito complicado escova-lo. Coloque o gatinho no seu colo e escove-o, ofereça resistência quando ele quer fugir mas acalme-o com festas e uma voz suave para que ele encare o momento de ser escovado como algo agradável, é sempre complicado forçar um gato a fazer algo que ele odeia, e se ele apreciar a escovagem com o tempo passara a ser um momento especial entre os dois.


Cortar as unhas

Cortar as unhas não é necessário se o gato tiver acesso à rua ou a um poste para arranhar. Os persas geralmente nunca saem a rua. Mas para bem da sua casa, é aconselhável cortar as unhas regularmente, eu corto uma vez por mês.
Para cortar as unhas dos gatos, existem utensílios adequados à venda nas lojas dos animais.
Quando cortamos as unhas dos gatos, devemos ter cuidado em apenas cortar a parte branca, nunca alcançar a parte rosada da unha senão ferimos o gato.
Como para qualquer “tarefa” a que queiramos habituar o nosso gato devemos começar cedo para se tornar agradável e rotineiro.


Dar Banho

Há quem diga que os gatos não precisam de banho porque se lavam ao lamberem-se,não é verdade.
Um gato deve tomar um banho pelo menos duas vezes por ano, no caso dos persas terá que ser mais regular, geralmente uma vez no mes.
O bano deve ser dado com agua morna e um champô adequado a cor e estado do pelo do persa (pode comprar numa loja ou pedir conselho ao veterinário). Antes do champô , pode-se efectuar uma lavagem com um desengordorante como liquido la loiça para retirar a gordura do pelo. Depois do champô, deve-se utilizar um condicionador para gatos, que no caso dos persas é indispensável senão é impossível escova-los. A escolha do champô depende muito do estado do pêlo do gato. Se o pêlo está em bom estado, sem problemas aparentes, pode comprar um champô regular para gato, com o objectivo de limpar suavemente, por exemplo champô de alcatrão ou aveia que se encontram na farmácias. Se ele tem um problema de pele especifico, deve pedir conselho ao veterinário. Ter sempre cuidado com o produto que colocamos no pêlo de gato já que este seguidamente ira lamber-se, por isso quanto ao amaciador, é preferível optar por um especifico para gatos.
Depois do banho limpe-o muito bem com uma toalha seca e posteriormente seca-lo com um secador.

Loção de limpeza sem banho– a venda em lojas de animais, quando não queremos dar banho mas o pêlo precisa de uma limpeza, estas loções limpam o pêlo e ajudam a desembaraçar os nós, na minha opinião têm uma contrapartida a maioria tem perfume, que é algo que nós gostamos mas os gatos não.


Limpar os Olhos e Orelhas

Os Olhos e as Orelhas precisam de uma atenção regular, sendo zonas sensíveis que facilmente adquirem sujidade.
A limpeza dos olhos, é obrigatória no caso do persa, que devido ao nariz mais curto lacrimejam facilmente. Quanto mais tipado for o gato, mais regular terá que ser a limpeza. Em gatos de pêlo claro a zona à volta dos olhos pode adquirir um tom amarelado. Use uma compressa de gaze embebida em agua ou soro fisiológico.
A limpeza das orelhas é importante para todos os gatos, o gato persa de orelhas mais pequenas e peludas está mais protegido da sujidade mas não é motivo para descurar na limpeza. Use um pedaço de pano húmido, deve ter muito cuidado a limpar os ouvidos, se notar que o seu gato coça muito os ouvidos esteja atento, pode ser consequência de ácaros nos ouvidos.


Tosquiar o Pêlo

O corte do pêlo do gato persa não se efectua apenas, quando o gato tem um problema de pele ou no pelo.
No verão o pêlo torna-se bastante insuportável para o persa. Com o Corte, permitimos que o gato perca calor com mais facilidade.
Deve evitar cortar o pêlo na zona da cabeça e nunca tosquiar a cauda que pode demorar mais de um ano a atingir o tamanho normal. Corte na zona do dorso, costas e principalmente no peito e barriga, as zonas onde o pêlo cresce mais rapidamente.


Escovar os dentes

Não será tarefa fácil, é provável que necessite da ajuda de outra pessoa.
Escove os dentes de seu gato 1 vez por semana.
Utilize escova de dentes de cabeça bem pequena e pasta de dente especial para ele, vendida em lojas de animais.



11 comentários:

  1. adorei saber como cudar de um gato persa tenho uma linda persa mas gostaria de saber onde vai os pelos qndo eles tomam banho de lingua pois a minha anda vomitando pelos estou preocupada ganhei fas pouco tempo obrg

    ResponderEliminar
  2. Os gatos ao realizarem a sua higiene ingerem a maior parte dos pelos, que se alojam em forma de bolas de pelo no seu sistema digestivo. As bolas de pêlo transformam-se num problema se não forem eliminadas, através das fezes ou através do vomito, porque se tal não acontecer causará uma obstrução do sistema digestivo.
    É importante conversar com o seu veterinário, sobre os cuidados ao gato persa, uma vez que como todas as raças, possui algumas particularidades, entre a quais o pelo muito denso. Existem pastas especificas e rações que previnem o aparecimento destas bolas de pelo, e a prevenção é sempre o melhor remédio. Poderá também dar ao gatinho atum de lata, pois o óleo de conserva irá ajudar na eliminação desse pelo ingerido. Não se esqueça de o escovar diariamente se possivel, para evitar o acumulo de pelos soltos e diminuir a sua deglutição.
    Tenha sempre atenção se o seu gato diminuir a ingestão de alimentos e se apresentar distensão abdominal (isto pode significar obstipação provocada pelo acumular do pelo no intestino).
    Espero que a tenha ajudado.

    ResponderEliminar
  3. Só lhe queria perguntar a partir de que idade se deve castrar de que idade se deve castrar os gatos persa ?

    ResponderEliminar
  4. ola Pedro.
    se o seu gato não sai à rua, não marca territorio (urinar nas paredes e moveis), não é impertinente durante a noite, alimenta-se bem, não é agressivo quando esta com o cio e nao tem contacto com outras gatas, na minha opinião para quê castra-lo? O meu gato não é castrado, tem três anos e nunca marcou territorio, só mia durante a noite e come muito menos quando esta com o cio.
    As gatas atingem a maturidade entre os sete e os doze meses.
    Os gatos atingem a maturidade entre os dez e os quatorze meses.Os machos podem ser castrados aos quatro meses. Na minha opinião, só apartir dos seis/ doze meses é que se deve começar a pensar no assunto, porque até lá o penis do gato ainda não cresceu em diametro, o que mais tarde poderá promover o aparecimento de infecções urinarias, pelo entupimento da uretra com impurezas. Se o seu gato não interage com outros gatos e não sai à rua...para que castra-lo. Se entretanto mudar de ideias, pode sempre faze-lo mais tarde.
    Na castração o veterinario irá remover os testiculos do gato, sob anestesia geral.
    Não se deverá castrar os gatos durante o cio, principalmente gatas, porque o elevdo nivel de hormonas sexuais retarda a coagulação sanguinea.
    Espero te-lo ajudado.

    ResponderEliminar
  5. Boa noite, neste momento tenho um persa, mas ele apareceu aqui na zona há uns meses, abandonado. vinha tosquiado mas muito doente (garganta inflamada, uma unha arrancada,não tem um dos dentes, não comia e tinha sarna) ate que ele veio para o meu quintal (talvez ao cheiro das minhas outras gatas) e eu comecei a dar-lhe comida e ele como era fusco começou a dormir debaixo das minhas escadas numa casota que lhe fiz. Levei-o ao veterinário, andou a tomar muitos medicamentos, vacinas, comida em gel, etc.. ate que ficou cá por casa. Mas ele agora só quer andar na rua como as outras gatas, (anda a passear pelos quintais e a dormir ao sol na rua) e não o consigo pôr a dormir em casa, pois fica a janela a miar. E agora ele está com o pelo completamente cheio de nós, pois não gosta que lhe escovem, e agora não sei como lhe tirar os nós, pois ainda é inverno e como ele anda sempre na rua poderia ficar constipado se o mandasse tosquiar (para além de que levam muito dinheiro :(....
    já me falaram no pó talco, mas não sei se resulta, poderá ajudar-me? gosto muito dele e mete-me impressão os nós que tem...muito obrigada!

    ResponderEliminar
  6. ola Vanessa

    O seu gatinho descobriu as maravilhas da liberdade e da vida "selvagem". Mas essa raça não sobrevive sem um dono dedicado que cuide e mime.
    como referiu no seu comentario, pode actuar de duas formas:
    Opção 1:
    Se o gatito fosse "meu" tosquiava o pelo para que crescesse um pelo novo, sem nós. Mas não o deixaria sair à rua, para não apanhar frio. Com o tempo ele habitua-se ao novo lar.
    Se ele for muito rebelde e impertinente, terá que ser castrado, até para o bem dele.
    Se a Vanessa for do porto/matosinhos/maia, indico-lhe um sitio para tosquiar mais barato (cerca de 18eur).
    Opção 2:
    O pó de talco ajuda imenso quando se pretende desembaraçar os nós. Usa-se um pente matalico e com muito cuidado retira-se o nó. São necessárias duas pessoas para tratar do gato quando ele não esta habituado a ser penteado. Depois de retirar todos os nós, passa-se uma rasteadeira pelo corpo todo do gato.
    Atenção: só se deve dar banho ao gato se o pelo não tiver nós, senão piora a situação e a pele (que é fina como papel) doi, com o peso do pelo morto nos nós.

    Tosquie se os nós forem em grande numero, muito apertados e gordurosos (com seborreica).

    Não se esqueça de comprar uma ração adquada à raça ou ao tipo de pelo. E não se esqueça de dar pomada de malte todas as semanas (1cm - pelo menos no inicio), para evitar formar as bolas de pelo no tubo digestivo.

    Ele vai ficar bonito, tenho a certeza, e com muita saude.

    Espero te-a ajudado.

    ResponderEliminar
  7. Olá gente!!
    Sempre escovo meu gato, uso escova e pente de dentes largos, ele adoraaaa, porém, na parte da barriguinha e embaixo das patinhas ele me morde, arranha e não deixa de forma!! Estou tentando todos os dias enquanto ele dorme e fica tranquilo desenrolar os nós, pois estou receosa em levar nas pets, já que na última vez ele voltou pra casa nervoso, arisco e com medo da caixinha de transporte. Estou tentando fazer todo o serviço em casa, não gosto nem de imaginar que algum acidente possa acontecer com meu Pikachu :(. Alguém pode me informar se existe alguma forma que eu tire esses nós?Bjus à todos!!

    ResponderEliminar
  8. que bom que o teu gato gosta de ser escovado eu também tenho um gato persa mas tem uma personalidade e um génio fortes não consigo pentea-lo como gostaria e está sempre com nós o que o deixa muito agressivo ás vezes nem sei como fazer ele já tem 10aninhos,e detesta cortar o pêlo.

    ResponderEliminar
  9. Olá meu nome é Thainá tenho uma gatinha persa chamada Stella ganhei com alguns fungos e gostaria de saber como trata levei no veterinário ele passou um shampoo e uns colirio pois ele falou que ela também estava com alergia para usar o colirio de 6h em 6h gostaria de saber seu gatinho já teve algo parecido? gostaria de sabe se não seria melhor tosquia?tenho algumas dúvidas sobre a melhor ração? ela devido ao fungos nos pêlos, fico com pena pq está frio..Bem se puder me ajudar eu agradeço pois tenho lido alguns artigo sobre persas, mais na internet td é muito vago e eu quero cuidar bem da minha gatinha.obrigada.

    ResponderEliminar
  10. Olá,

    adoptei um gatinho recentemente e como nunca tinha tido gatos, andei a pesquisar bastante sobre o assunto.

    Não gosto muito de toda a situação com a caixinha da areia. Encontei um produto, chamadado citikitty

    http://lisboacity.olx.pt/citikitty-portugal-kit-de-wc-para-gatos-iid-448375601

    comprei e tenho estado a treinado o meu bichano a ir fazer as suas necessidades na nossa sanita, e esta a correr muito bem, alguém já experimentou?

    coloquei o link para terem mais informações do produto que comprei.

    Obrigada

    ResponderEliminar
  11. Olá,

    adoptei um gatinho recentemente e como nunca tinha tido gatos, andei a pesquisar bastante sobre o assunto.

    Não gosto muito de toda a situação com a caixinha da areia. Encontei um produto, chamadado citikitty

    http://lisboacity.olx.pt/citikitty-portugal-kit-de-wc-para-gatos-iid-448375601

    comprei e tenho estado a treinado o meu bichano a ir fazer as suas necessidades na nossa sanita, e esta a correr muito bem, alguém já experimentou?

    coloquei o link para terem mais informações do produto que comprei.

    Obrigada

    ResponderEliminar